Gerir um escritório de advocacia é o mesmo que gerir uma empresa, e isso exige do advogado uma visão mais estratégica de mercado. Expandir a atuação é uma ação importante e necessária para o crescimento do negócio, porém deve ser executada com cautela e planejamento.

No mundo dos negócios, não faltam exemplos de empreendimentos que expandiram de maneira precipitada e acabaram perdendo clientes devido à queda na qualidade dos serviços prestados. Esse, aliás, é o maior desafio a ser enfrentado.

A seguir, você encontrará dicas para expandir sua atuação sem cometer erros que comprometam a qualidade e a credibilidade de seu escritório. Acompanhe!

A importância de expandir a atuação do escritório

A sociedade e o direito caminham lado a lado. As relações humanas são complexas e repletas de detalhes e fatos inesperados. Para acompanhar essa dinamicidade, o direito — e o advogado — não pode se manter inerte, ele precisa evoluir e se adequar às exigências da vida contemporânea.

Quando um escritório consegue crescer e se solidificar no mercado, é sinal de que um bom serviço é prestado. Contudo, deixar-se estagnar e não pensar em expansão é um erro que pode custar todo o trabalho desenvolvido para chegar até ali.

Assim como no universo empresarial, é preciso inovar e acompanhar as demandas da sociedade. Ao conquistar seu espaço em determinada área de atuação ou localidade, é importante pensar em novos horizontes.

Com tantas possibilidades dentro do universo jurídico, é necessário avaliar as dores do cliente e entregar a ele exatamente o que precisa. Em outras palavras, além de ganhar uma nova clientela, a expansão permite a manutenção e a fidelização ainda maior daqueles que já confiam em seu profissionalismo.

Os passos para expandir sem perder qualidade

Conforme demonstrado, em um algum momento seu escritório começará a pensar em expansão de mercado. É uma decisão em benefício das suas finanças e da própria dinâmica do negócio — afinal, a inovação dá um novo ânimo para seguir em frente e superar os desafios.

No entanto, todo esse processo deve ser executado sem perder o foco na qualidade. Qualquer que seja o seu planejamento de expansão, é imprescindível assegurar que o trabalho seguirá com o mesmo padrão de qualidade, responsabilidade e confiança.

Lembre-se de que esses componentes foram essenciais para o seu sucesso e serão ainda mais relevantes nessa nova fase do negócio. Por isso, acompanhe, a seguir, os passos para colocar em prática esse projeto de maneira eficiente:

Invista em gestão

Partindo da premissa de que um escritório de advocacia é uma empresa, é de suma importância que o advogado invista em gestão nessa nova fase. Manter as finanças organizadas e estáveis é o primeiro passo para conquistar um negócio saudável e produtivo.

Muitos advogados se preocupam apenas com o conhecimento jurídico e se esquecem de que a gestão de escritório exige habilidades extras. Saber manter o fluxo de caixa equilibrado, ter um bom capital de giro, cuidar das rotinas contábeis e das relações trabalhistas, recolher os impostos devidos e comandar uma equipe são alguns exemplos que demonstram que gerir um negócio pode ser complexo.

Por isso, o primeiro passo é cuidar melhor da gestão de seu negócio. Invista nesses processos, estude e coloque em prática estratégias que contribuam para a sua estabilidade e crescimento.

Realize treinamentos

Durante o processo de expansão do escritório, é provável que você precise ampliar sua equipe de trabalho. Nesse caso, além de realizar um bom recrutamento, deverá investir em treinamentos.

Manter um corpo de advogados preparado para lidar com o público e atendê-lo com qualidade, cordialidade e eficiência é essencial para ampliar o mercado.

Por isso, além dos treinamentos para aperfeiçoamento intelectual, promova treinamentos focados no atendimento ao público, oratória, postura profissional, uso de recursos tecnológicos e outros que sejam relevantes para o dia a dia da profissão.  

Faça investimentos em marketing

A questão do marketing e publicidade na advocacia sempre gera dúvidas e discussão entre os profissionais da área. De fato, existem limitações que devem ser rigorosamente obedecidas, mas é possível (e necessário) apostar no marketing jurídico.

Estar nas redes sociais, ter um blog e um logotipo atrativo são técnicas simples e que, atualmente, trazem bons frutos ao negócio. Portanto, aposte em visibilidade e em conteúdos que reforcem a qualidade de seu escritório.

Padronize processos no escritório

Com o crescimento do negócio, um problema comum é a falta de padronização dos processos. Cada advogado realiza suas rotinas de uma maneira diferente, e isso inclui o armazenamento de dados, o atendimento ao público e até mesmo o peticionamento.

Para demonstrar qualidade e unicidade, é essencial que todas as atividades dentro do escritório sejam padronizadas.

O cliente deve perceber que o modo de agir dos advogados faz parte de uma conduta ética comum. Da mesma maneira, o profissional deve entender que padronizar é investir em organização e eficiência, o que tornará seu dia a dia mais simples.

Aposte em tecnologia

A tecnologia é uma grande aliada do homem contemporâneo e, claro, deve ser mais bem aproveitada em escritórios de advocacia. Com tantos processos, prazos e clientes para gerir, é interessante investir em recursos que automatizem algumas dessas atividades.

Desburocratizar o trabalho é uma atitude inteligente e permite que o processe de expansão ocorra sem perdas de qualidade.

Em outras palavras, fazer uso de um software de gestão de escritório, de um sistema de acompanhamento eletrônico de publicações e de um apoio para publicações oficiais contribui para o dia a dia no escritório.

Reduza custos de maneira estratégica

Todo gestor pensa em maneiras de reduzir custos, porém, especialmente em um processo de expansão, essa é uma ação que deve ser executada por meio de um planejamento eficaz.

Em um primeiro momento, é essencial realizar um mapeamento de gastos e identificar os principais gargalos do negócio. Em seguida, deve-se avaliar como e quando esses problemas podem ser solucionados para proporcionar redução de gastos sem comprometer a qualidade do serviço.

Assim, o que se pretende afirmar é que qualquer corte de gastos deve ser estudado. Não há como reduzir um custo sem avaliar os impactos que isso trará para a qualidade e a eficiência do trabalho a ser desempenhado.

Ao longo do post, ficou demonstrado que expandir a atuação do escritório de advocacia é uma excelente estratégica — muitas vezes, necessária — para ganhar mercado e ampliar a rentabilidade. Entretanto, essa é uma decisão complexa e que exige muito planejamento.

Se você está pensando em ampliar sua atuação no mercado, é essencial seguir as dicas apresentadas. Elas são o segredo para manter o padrão de qualidade do seu trabalho e conquistar ainda mais clientes para o negócio. Portanto, não deixe de colocá-las em prática!

Quer aprender um pouco mais sobre o tema? Aprenda a melhorar o networking do seu escritório de advocacia!

Leia Também

Deixe seu comentário