Powered by Rock Convert

O estagiário de Direito é uma importante peça dentro de escritórios de advocacia ou em órgãos da Justiça. Esse profissional é uma pessoa que está passando pelos anos de aprendizagem e amadurecimento profissional proporcionado pela graduação em Direito.

O estágio é um momento de extrema importância para ele, afinal, é nessa etapa que todos os ensinamentos que foram ministrados em sala de aula são colocados em prática. Assim, ele pode alinhar a teoria com a vida real dos ambientes de trabalho.

E você, sabe exatamente quais as atividades que um estagiário em Direito pode fazer? É sobre isso que vamos discutir neste artigo. Acompanhe!

Áreas em que o estagiário de Direito pode atuar

Um estudante do curso de Direito tem uma gama de oportunidades para fazer o seu estágio. Quando chegam no momento de realizar essa parte da sua graduação, muitos pensam, inicialmente, nos trabalhos dos cartórios do Fórum de sua cidade.

Porém, as oportunidades são muito maiores e existem outros locais em que ele pode fazer o seu estágio e obter conhecimentos práticos. Alguns exemplos incluem:

  • departamentos jurídicos de empresas;
  • escritórios de advocacia;
  • órgãos ou repartições públicas que trabalham diretamente com as Leis, como procuradorias estaduais e municipais, departamento de licitações, entre outros.

Atuação de um estudante de Direito no escritório de advocacia

Agora que você já viu as oportunidades para um estagiário em Direito, vamos mostrar como é a atuação desse profissional dentro dos escritórios de advocacia. Inicialmente, é importante que você faça o seu registro profissional na OAB.

Dessa forma, mesmo como um estagiário, será possível postular algumas ações perante o juízo, entre elas:

  • proceder assinatura de cargas de autos em cartórios;
  • fazer a retirada ou devolução de autos;
  • retirar certidões e autos dos processos;
  • assinar alguns tipos de petição;
  • praticar alguns atos extrajudiciais de interesse do escritório de advocacia.

Você precisa ter cuidado com um detalhe. O estágio é um momento de aprendizado, portanto, caso o local em que esteja estagiando obriga você a fazer tarefas completamente desvinculadas da sua função na maior parte do dia, considere a possibilidade de mudar de empresa.

Formas de se destacar no mercado

Tenha competência

Apesar de, em muitos casos, o estágio ser uma condição transitória, você precisa ter em mente que trabalhará diretamente com processos judiciais que necessitam de muito cuidado e atenção.

Sendo assim, realize todas as suas atribuições com muita competência. Afinal, existem pessoas por trás de cada procedimento que necessitam da reposta judiciária.

Execute suas funções com seriedade

Tenha sempre em mente um espírito de seriedade e ética ao executar suas funções. O estágio é a porta de entrada no ramo do Direito. É por meio dele que você começará a ficar conhecido nos órgãos em que se relacionará após a inserção neste mercado.

Portanto, tenha o cuidado de se manter sempre muito bem alinhado e executar suas atividades com responsabilidade, seriedade e ética.

Busque novos conhecimentos

Por fim, busque sempre novos conhecimentos. Os aprendizados obtidos no estágio poderão ser utilizados por você em sua carreira após a conclusão do curso e aprovação no exame da OAB ou ingresso em cargo público.

Por isso, nunca rejeite um novo conhecimento da sua área. Esteja aberto para conhecer outros ramos do Direito e novas formas de trabalhar nessa atividade.

Como você pode perceber, ao seguir essas dicas e observar as principais atribuições de um estagiário de Direito, você certamente poderá ter muito êxito nessa etapa da sua formação profissional.

E aí, gostou do artigo? Quer ficar por dentro de todas as novidades? Então curta nossa página no Facebook e não perca nenhum novo conteúdo.

Veja mais: Universo Jurídico | Contencioso Trabalhista | Importância do balanço patrimonial

Leia Também

Deixe seu comentário