Veja 5 dicas de como enfrentar o estresse financeiro no trabalho

Veja 5 dicas de como enfrentar o estresse financeiro no trabalho
4 minutos para ler

Na jornada de trabalho, nem tudo são flores, mas é preciso combater o estresse financeiro para garantir a produtividade e o bem-estar dos funcionários. Acompanhe 5 dicas! 

O estresse financeiro pode ter diversas razões, como falta de planejamento, dívidas e situações financeiras delicadas em geral, que causam extremo desgaste mental e emocional, afetando a produtividade e o ambiente de trabalho. 

Saiba mais: Entenda como fazer um controle de vendas eficiente

Como o estresse financeiro afeta a jornada de trabalho e a empresa 

Problemas com dinheiro tendem a potencializar sentimentos ruins, como ansiedade, estresse e até mesmo depressão. A situação, como um todo, influencia o indivíduo de forma tão negativa que pode ser comparada à morte de um ente querido ou a um processo de separação. 

Dentro de uma empresa, os principais problemas que o estresse financeiro pode causar são: 

  • Desmotivação; 
  • Insatisfação com o salário; 
  • Baixa produtividade; 
  • Queda no engajamento; 
  • Constante preocupação; 
  • Distração; 
  • Maior chance de erros; 
  • Maior probabilidade de demissão; 
  • Rotatividade de funcionários; 
  • Gastos não planejados com seleção, recrutamento e adaptação de novos funcionários; 
  • Aumento de faltas e atrasos (absenteísmos). 

5 dicas para enfrentar o estresse financeiro no trabalho 

1- Bonificações 

A bonificação é muito utilizada pelas empresas, principalmente para beneficiar funcionários em eventos como aniversário, indicação de colaboradores, aumento de experiência, entre outras razões, e visa incentivar o trabalhador, além de ajudar a lidar com o estresse financeiro. 

2- Treinamento financeiro personalizado 

A educação financeira é a melhor forma de ajudar pessoas a não criarem dívidas ou caírem em armadilhas financeiras. Dessa forma, quando a empresa fornece esse tipo de treinamento, todo mundo é beneficiado. Além de garantir a qualidade de vida do funcionário ao diminuir o estresse financeiro, também garante a produtividade dentro da empresa. 

Os gestores podem organizar conteúdos completos voltados à organização de despesas pessoais, ensinando aos funcionários: as melhores técnicas de movimentação financeira inteligente; como lidar com dívidas; como fazer o controle de gastos; como montar o orçamento mensal; e quais são os melhores investimentos do momento. 

3- Investir em iniciativas de bem-estar 

O estresse não costuma agir como um evento isolado, ou seja, ele acaba refletindo em diversas esferas da vida pessoal e profissional, podendo afetar a saúde da pessoa, além da produtividade. 

Os empregadores precisam levar em consideração o bem-estar dos colaboradores e oferecer formas de aumentar a qualidade de vida (física e mental) de suas equipes. Seja por iniciativa própria, seja por meio de parcerias, é possível abrir espaços de descanso e entretenimento para que os funcionários possam separar um tempo para relaxamento e descontração. 

4- Pagamento de acordo com a demanda 

O esquema de pagamento por demanda funciona da seguinte forma: o funcionário, ao invés de ter que esperar pelo dia do pagamento para receber o valor total de seu salário, pode fazer o saque proporcional (dos dias que foram trabalhados até então) se precisar pagar contas em atraso ou lidar com imprevistos. 

5- Realizar pesquisas de satisfação e bem-estar com certa frequência 

Para saber o que os funcionários estão sentindo ou enfrentando, é preciso conhecê-los. Uma forma muito eficiente de obter informações é por meio de pesquisas e feedbacks. 

Realizar a análise das pesquisas junto ao departamento de recursos humanos gera a possibilidade de comparar o bem-estar do funcionário com sua produtividade dentro da equipe, sendo possível traçar planos capazes de combater o que está causando o estresse financeiro dos colaboradores. 

Jornada de trabalho: fique por dentro das leis trabalhistas publicadas no Diário Oficial 

A jornada de trabalho é regida pelas leis trabalhistas, e todas as novidades sobre o setor são veiculadas no Diário Oficial. Por meio da legislação, o 

empregador sabe o que é possível fazer para combater o estresse financeiro e permanecer dentro da lei. 

Por meio do Diário Oficial-e, os empregadores têm acesso a tudo o que é veiculado no Diário Oficial da União, dos Estados e dos Municípios. Além disso, a plataforma disponibiliza o que é preciso para realizar publicações nesses veículos de comunicação. 

Navegue pelo site para conhecer todos os serviços do Diário Oficial-e. 

Veja mais: DOE GODOE PADOE PR

Você também pode gostar

Deixe um comentário